"Se publicasse as memórias, lá apareceria o Kurika como companheiro"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
Manuel Alegre ao jornal i
“A Europa está transformada num novo império”
14-07-2015 com jornal i

“A Europa está transformada num novo império. Schäuble está enganado na data e no regime” afirmou Manuel Alegre ao jornal i sobre o acordo que a cimeira da zona euro fechou sobre a Grécia. “É uma violência e profundamente contrário ao projecto europeu e aos valores primordiais da Europa, da solidariedade, da paz e da prosperidade partilhada.” “Não há um acordo, há uma imposição”, disse ainda Manuel Alegre.

Manuel Alegre citou Marcelo Rebelo de Sousa para dizer que “não há lideranças políticas”, lembrando que os líderes têm de saber fazer face às opiniões públicas dos seus países. “Posso lembrar, disse ainda, que a esmagadora maioria dos alemães estava com Hitler. O papel de um líder político é saber contrariar isso”, afirmou, responsabilizando a Alemanha que “mais uma vez está a causar sofrimento à Europa.”

“Os socialistas europeus têm muita culpa nesta situação em que se encontra a Europa”, criticou Manuel Alegre, porque capitularam perante os conservadores”, embora reconheça que sentiu um “sobressalto: a reacção socialista impediu que e Grécia saísse do euro. Mas já é tarde. Nada vai ficar na mesma e fica posta em causa a democracia na Europa”, considerou.

“O problema já não é só de soberania, mas de liberdade. Os povos ficam sem possibilidade de escolher”, concluiu, lembrando o referendo de há um semana na Grécia.

Também João Cravinho afirmou ao mesmo jornal: “É o fim do projecto europeu como foi concebido pelos pais fundadores.” “A Grécia não sai do euro, mas está morta. Mataram-na. A única coisa que não fizeram foi enterrar o seu cadáver.”