"De cada vez que o Parlamento cede ao populismo, este não agradece, reforça-se"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
Manuel Alegre com o movimento "Não TAP os olhos"
Privatizar a TAP não é só um erro, é um crime contra o país
15-03-2015 Com Lusa e TVI 24

A privatização da TAP “não é só um erro, é “um crime contra o país”, declarou Manuel Alegre aos jornalistas, na manifestação que no dia dos 70 anos da TAP teve lugar na Alameda, em Lisboa. Manuel Alegre afirmou que "Portugal não é uma Junta de Freguesia da Europa e está a ser vendido a a pataco”.

"Todos os sectores estratégicos da nossa economia estão a ser vendidos", denunciou, lembrando que "um país, a sua identidade e a sua história estão acima de interesses privados e estão acima do negócio."

Alegre formulou ainda o desejo de que o PS, vencendo as próximas legislativas, tenha “poder e vontade” para reverter a questão, que "não é económica, é política".

O movimento “Não TAP os olhos”, dinamizado por António Pedro Vasconcelos, com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (SITAVA) e da CGTP-IN, está a recolher assinaturas para um referendo nacional sobre a privatização da TAP, tendo já sido recolhidas 25.000 das 75.000 necessárias.

Veja como subscrever a petição para o referendo AQUI