"De cada vez que o Parlamento cede ao populismo, este não agradece, reforça-se"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
Manuel Alegre critica recomendação da Comissão:
"Não compete a Bruxelas fazer propostas que violam a Constituição"
09-06-2010 Lusa

Manuel Alegre mostrou-se hoje de acordo com as críticas que Cavaco Silva fez à Comissão Europeia por recomendar a Portugal uma reforma das leis laborais, dizendo não competir a Bruxelas fazer propostas que violam a Constituição portuguesa.

Manuel Alegre falava aos jornalistas após apresentar os mandatários da sua campanha presidencial Maria de Belém (nacional), Jacinto Lucas Pires (juventude) e Daniel Sampaio (Lisboa).

Interrogado sobre a recomendação da Comissão Europeia no sentido de Portugal fazer a curto prazo uma reforma da sua legislação laboral, Manuel Alegre manifestou-se de acordo com a posição crítica assumida terça feira pelo Presidente da República. “Não compete a Bruxelas intrometer-se na agenda da política portuguesa e, sobretudo, sobrepor-se aos órgãos democraticamente eleitos”, reagiu. Para Manuel Alegre, “muito menos” compete à Comissão Europeia “fazer propostas que violam a Constituição da República Portuguesa”, acrescentou.