Nós voltaremos sempre em maio
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
À volta de Manuel Alegre
13-06-2014 Antena 1

A Antena 1, no seu programa "À volta dos livros" conduzido por Luís Caetano, recolheu o testemunho de Maria Ana Bobone, uma das participantes na sessão realizada em 9 de junho na Feira do Livro, à volta da poesia de Manuel Alegre. A fadista contou como se comoveu quando recebeu um poema de Manuel Alegre intitulado “Meu nome é nome de mar” e como a partir dele fez todo um novo disco.
Para Manuel Alegre, “a poesia é ritmo, há uma música da língua e cada poeta tem a sua estrutura rítmica própria”. Por isso o poeta não estranha a estreita ligação entre poesia e música na sua obra: “Há uma toada que faz parte da poesia portuguesa e que se calhar tem muito a ver com a música que está dentro da língua”.
Luís Caetano registou ainda Manuel Alegre dizendo um seu poema inédito - “Rio Tejo de Lisboa”, cuja gravação pode ouvir no final da notícia. Ler mais

Ontem, na Feira do Livro
10-06-2014

Foi numa Praça Leya cheia de gente, com muitas pessoas de pé, que se ouviu ontem ler e cantar a poesia de Manuel Alegre, na Feira do Livro de Lisboa. Maria Ana Bobone, Francisco Fanhais, António Ataíde e Joana Alegre, acompanhados por Rui Pato, Bruno Costa, Pedro Pinhal, José Duarte e Rodrigo Serrão, voltaram a entoar e tocar poemas de Manuel Alegre, que muitos sabem de cor e que foram cantados, antes do 25 de Abril, por Adriano Correia de Oliveira, Zeca Afonso e Amália Rodrigues, entre muitos outros.
Oiça a canção “E alegre se fez triste” no final da notícia. Ler mais

A voz de Manuel Alegre nas muitas vozes que o cantaram
09-06-2014

"A poesia volta a ser importante como uma forma de resistência, de sublevação contra a linguagem instituída do poder."
Manuel Alegre
(Clique no título do poema em baixo para chegar ao respectivo ficheiro áudio)
1º dia - "É preciso um país" - Manuel Alegre com Carlos Paredes
2º dia - "Meu amor é marinheiro" - Amália, música de Alain Oulman
3º dia - "Trova do emigrante" - musicado e cantado por Manuel Freire
4º dia - "Corpo renascido" - Francisco Fanhais, música de Pedro Lobo Antunes
5º dia - "E alegre se fez triste" - Adriano Correia de Oliveira, música de José Niza
6º dia - "Canção com lágrimas palavras armas" - musicado e cantado por Joana Alegre
7º dia - "Trova do vento que passa" - Amália, música de Alain Oulman Ler mais

*
05-06-2014

Na próxima segunda-feira, dia 9 de Junho, haverá uma celebração da poesia de Manuel Alegre, acompanhada de vozes que o musicaram e cantaram, na Feira do Livro de Lisboa (Pavilhão Leya).
Veja mais AQUI
Veja algumas dos poemas de Manuel Alegre ditos e cantados por cantores portugueses AQUI Ler mais