"Não gosto de engenharias sociais ou artificiais messiânicas"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
*
Dias 6. 7 e 8 de dezembro
05-12-2018 https://infocul.pt

A Festa da Poesia de 2018 presta este ano homenagem ao autor da “Praça da Canção”. O evento decorrerá nos dias 6, 7 e 8 de Dezembro, em Matosinhos, evocando Manuel Alegre e os seus poemas em várias sessões, numa placa evocativa que será descerrada da Biblioteca Municipal Florbela Espanca e também no pavimento da Rua Brito Capelo, onde os versos daquele que é um dos mais importantes poetas contemporâneos portugueses ficarão doravante inscritos, contaminando de poesia o quotidiano dos matosinhenses. Ler mais

Manuel Alegre e Paula Morão
Manuel Alegre, hoje doutorado Honoris Causa pela Universidade de Lisboa:
02-10-2018 com Lusa

“Espero continuar a rimar o meu poema com a minha vida”, confessou Manuel Alegre no final da intervenção, longamente aplaudida de pé, com que agradeceu o doutoramento Honoris Causa hoje atribuído pela Universidade de Lisboa. O autor de “O Canto e as Armas” passou em revista o seu percurso académico, literário e cívico, perante uma assistência presidida pelo Presidente da República e onde se encontravam destacadas figuras do meio académico e da política. Ler mais

*
Intervenção de Manuel Alegre na Aula Magna da Reitoria da Universidade de Lisboa:
02-10-2018

É com uma certa aflição que me apresento hoje perante vós. Grato e comovido.
O grau de Doutor Honoris Causa pela Universidade de Lisboa que o Magnifico Reitor me atribuiu representa para mim uma honra de grande significado. Mas deixa-me em grande desassossego porque me obriga a ser mais do que eu próprio.
Veja a intervenção integral AQUI Ler mais

Manuel Alegre em entrevista televisiva na Sardenha:
01-07-2018 Videolina Italia, TG

"Todos temos problemas com a Europa", alertou Manuel Alegre em entrevista televisiva na Sardenha, durante o festival Latitude 39 que se iniciou em Villasimius em 29 de junho e de que foi o convidado de honra. Para Manuel Alegre, "a Europa de hoje, com a sua deriva tecnocrática e autoritária de austeridade, divide o Norte e o Sul", porque "impõe regras que se sobrepõem à democracia e ao próprio poder dos Estados."
Veja as declarações de Manuel Alegre AQUI Ler mais

26-07-2018 Público

Depois de ler o artigo de Carlos Reis sobre o “saneamento” de Os Maias, pergunto-me se Portugal não estará a desistir de si mesmo, da sua literatura, da sua língua, da sua Escola Pública? Ler mais

Artigo de Manuel Alegre no Público
07-11-2018 Manuel Alegre, Público

É chegada a hora de enfrentar cultural e civicamente o fanatismo do politicamente correcto. É uma questão de liberdade. Liberdade para não gostar de touradas. Mas liberdade para gostar. Liberdade para não gostar da caça. Mas liberdade para gostar. Algo que não se pode decidir por decreto nem por decisões impostas por maiorias tácticas e conjunturais. Não é democrático. Para mim, que sou um velho resistente, cheira a totalitarismo. E não aceito. Ler mais

*
Uma antologia da poesia de amor de Manuel Alegre
31-08-2018

Todos os Poemas São de Amor, uma antologia com a poesia de amor de Manuel Alegre que inclui nove poemas inéditos, chega às livrarias no dia 4 de Setembro. Terá uma edição igual em castelhano, com prefácio do escritor João de Melo, que será apresentada em Novembro na Feira do Livro de Guadalajara, no México, onde Portugal é o país convidado. Ler mais

*
Manuel Alegre na Academia das Ciências
10-07-2018

Manuel Alegre abriu a segunda parte do Colóquio "Unidade e Diversidade da Língua Portuguesa", no dia 10 de julho, por iniciativa da Academia das Ciências, de que o escritor é sócio efectivo, eleito em novembro de 2016. Ler mais

Arquivo 2005-2009
Discurso Directo
Podcast do Expresso "Palavra de autor#10"
*
21-11-2018

Voz ativa da vida política, Manuel Alegre nem sempre se indigna. Também ama. A poesia de combate que começou por escrever e que se tornou uma forma de resistência à ditadura, enquanto ia ensaiando revoltas militares e ocupações, é uma forma de amor. O seu último livro Todos os Poemas são de Amor vem desses tempos até ao presente. E nesta conversa com Cristina Margato, o poeta também recua à época em que era criança e se colocava em cima de uma cadeira para dizer de cor os poemas e versos que aprendeu ainda antes de saber ler e escrever.

Oiça o podcast AQUI Ler mais